Redes Sociais: saiba como usá-las para impulsionar os seus resultados!

Redes Sociais saiba como usá-las para impulsionar os seus resultados!

As Redes Sociais têm sido utilizadas de forma massiva já há algum tempo. As pessoas têm usado as mais diversas plataformas para compartilhar situações e apresentar um pouco das próprias vidas. Por conta disso, essas redes se tornaram um ambiente digital no qual milhões de pessoas interagem todos os dias.

E, claro, por conta do grande número de pessoas nessas redes, o grande número de empresas marcando presença nelas não é nada surpreendente. Afinal, as empresas devem ir até os locais em que as pessoas estão, apresentando suas marcas, produtos e serviços e interagindo com seus prováveis clientes.

Aliás, com o apoio das muitas ferramentas presentes nas Redes Sociais, muitas estratégias de marketing podem ser aplicadas. Desse modo, o alcance das ações aumenta de uma forma surreal, chegando a quebrar as limitações físicas. Agir nessas redes se tornou uma obrigação para os negócios emergentes.

Com base em tudo o que foi apresentado, este post irá tratar de lhe mostrar o verdadeiro poder das Redes Sociais, enquanto ferramenta de Marketing. Além disso, ao fim desta leitura, você saberá como atuar nessas redes e utilizá-las em prol das suas estratégias. Sendo assim, não deixe de conferir até o fim.

O Poder das Redes Sociais

Como você já deve saber, as Redes Sociais são plataformas nas quais as pessoas interagem umas com as outras. Essas plataformas costumam ter suas bases em sites, aplicativos e programas. Isto é, elas fazem uso da tecnologia e da internet para alcançar o maior número de pessoas.

Obviamente, é nesse grande alcance que o poder das Redes Sociais é revelado. Em poucos segundos, uma postagem em um Rede Social pode rodar o mundo e chamar a atenção de milhões de pessoas. E sim, são milhões mesmo… na verdade, são bilhões.

Segundo alguns estudos, o número de usuários ativos nas redes sociais é de 3,4 bilhões. Consegue imaginar? 3,4 bilhões de usuários ativos, usando as Redes Sociais todos os dias. Imagine oferecer seus produtos e serviços para um público dessa magnitude… Imagine como seria ter 3,4 bilhões de pessoas que conhecem e respeitam a sua marca… Incrível, não acha?

Certamente, atingir esse número de pessoas não vai ser fácil. Aliás, nem vai ser necessário. Porém, o importante é saber que as pessoas realmente usam as Redes Sociais… e usam bastante. De acordo com as estimativas, cada usuário usa essas redes por 116 minutos (em média) diariamente.

Resumindo, o poder das Redes Sociais se revela no alcance e no grande número de usuários que as utilizam. Ademais, a forma como essas redes foram construídas pode favorecer, e muito, as estratégias de marketing. Vamos saber como?

As Redes Sociais enquanto ferramentas de Marketing

Muito provavelmente, você já fez alguma viagem e passou por um imenso outdoor na beira de uma estrada. Acredite ou não, as empresas pagam por esse tipo de publicidade. Afinal, sempre que você puder fazer a sua marca ser vista, é isso que você deve fazer.

Agora, vamos refletir… é bem possível que a empresa que contratou o tal outdoor resolveu colocar sua propaganda na estrada por conta do fluxo de pessoas que passam por aquele caminho todos os dias. É uma questão bastante lógica.

Assim sendo, basta trazer o mesmo raciocínio lógico para as Redes Sociais. Você tem “locais” com um enorme fluxo de pessoas e espaços para veicular suas propagandas. Contudo, as possibilidades, no caso dessas redes, são muito maiores.

Nas Redes Sociais, há interação. Sua marca não fica apenas visível, ela conversa com o seu público-alvo. Sua empresa pode oferecer conteúdo, criar engajamento, apresentar promoções, etc. Enfim, como ferramenta de marketing. uma Rede Social tem um potencial absurdo.

O mais interessante é que não se trata de um marketing “frio”, ou seja, a intenção é criar uma relação. E um relacionamento sólido entre empresas e pessoas pode gerar muitos resultados.

Detalhe: sua empresa ainda tem à disposição uma série de recursos que podem aumentar o alcance das ações de uma forma surreal. Isso mesmo! As Redes Sociais são ambientes muito propícios ao marketing. Basta saber como essas redes operam e você já poderá colher resultados muito positivos.

Como fazer uso das Redes Sociais

Agora que você já tem uma noção da força das Redes Sociais, enquanto ferramentas de marketing, podemos falar sobre como o seu negócio pode tomar proveito desse poder.

Nesse caso, o primeiro passo é entender que não existe apenas uma Rede Social. Pelo contrário, são diversas redes. Redes que possuem suas próprias particularidades e ferramentas. Aliás, cada rede possui uma boa parcela do grande número de usuários… veja os números aqui do Brasil:

  • Facebook: 127 milhões de usuários;
  • WhatsApp: 120 milhões de usuários;
  • YouTube: 100 milhões de usuários;
  • Instagram: 65 milhões de usuários;
  • LinkedIn: 45 milhões de usuários;
  • Twitter: 30 milhões de usuários.

Conforme pôde notar, cada Rede Social tem uma quantidade de usuários (geralmente, as pessoas usam mais de uma rede social). Isso quer dizer que uma empresa deve decidir em qual (ou quais) rede(s) atuar.

Essa escolha deve levar em consideração os estudos acerca do público-alvo. A empresa sempre deve estar nos locais em que a maior parte desse público está.

Após definir as “áreas de atuação”, o passo mais importante é a realização de um planejamento. Nesse planejamento, serão definidas as diretrizes para a atuação da empresa nas Redes Sociais.

A Importância do Planejamento

Assim que a empresa define as redes nas quais ela atuará, o ideal é dar início à fase de planejamento. E a importância desse planejamento está intimamente ligada aos objetivos do setor de marketing.

Pense bem: as pessoas vão até as Redes Sociais por lazer, correto? A empresa, não tem esse objetivo. Qual é o objetivo? Bem, tudo depende do seu planejamento. Você pode estar nessas redes apenas para apresentar a sua marca, para impulsionar as vendas, para prestar atendimentos…

Enfim, você pode ter uma série de objetivos. E cada objetivo vai exigir um planejamento diferente. Afinal, o seu setor de marketing precisa ter diretrizes sólidas para poder alcançar as metas propostas.

Nesse sentido, acompanhe abaixo alguns pontos que não podem faltar no seu planejamento…

Defina os seus objetivos…

A eficiência da atuação da sua empresa em uma rede social depende daquilo que você deseja alcançar. Por isso, o primeiro passo é definir os objetivos da sua atuação nessas redes. Nesse caso, você pode:

  • Aumentar a percepção da sua marca;
  • Criar uma lista de contatos;
  • Oferecer suporte;
  • Realizar vendas;
  • Gerar tráfego para algum site.

Os objetivos podem ser muitos. No entanto, o importante nesse ponto é saber que eles são necessários para dar continuidade ao seu plano.

Crie um caminho para alcançar os objetivos propostos…

Com base nos objetivos propostos, o seu planejamento deve conter uma espécie de caminho a ser seguido pelo setor de marketing. Nesse caso, o caminho deve ser bem claro. Isto é, você deve apresentar todas as diretrizes. Por exemplo:

  • Objetivo: gerar tráfego para algum site;
    • Geração de conteúdo atrativo;
    • Criação de Headlines que incitem os cliques;
    • Definir a frequência das postagens.

No exemplo, todas as ações elencadas podem ajudar a alcançar o objetivo. E o seu setor de marketing vai saber exatamente o que deve fazer. Além do mais, ao traçar os objetivos e definir os caminhos a serem seguidos, a otimização dos perfis fica muito mais fácil.

Estabeleça metas…

Ter indicadores de performance é essencial para toda e qualquer estratégia. Sem esses indicadores, fica difícil saber se uma ideia está dando certo ou não.

Nesse sentido, é bom saber que as metas devem ser estabelecidas ainda na fase de planejamento. Isso é muito importante, pois assim, o setor de marketing pode verificar a eficiência de tudo que está sendo feito.

Se o objetivo, seguindo o exemplo acima, for gerar tráfego para um site, as métricas poderiam ser:

  • Conversões;
  • Níveis Interação;
  • Taxas de Rejeição.

Ao analisar esses resultados, muitos ajustes podem ser feitos em prol do alcance dos objetivos. Tudo que acontece na internet pode (e deve) ser avaliado, não se esqueça disso.

Por fim, quando o seu planejamento estiver pronto, vai chegar a hora de agir. Porém, nesse ponto é necessário considerar mais dois aspectos.

Alcance Orgânico e Alcance Pago…

Como cada Rede Social possui uma série de particularidades, falar sobre as ferramentas presentes nelas, de forma individual, seria muito conteúdo a ser escrito. Por isso, vamos abordar a questão do alcance sob duas óticas. Assim, você poderá aplicar os conceitos em qualquer rede social.

Então… como já foi destacado, as Redes Sociais são habitadas por pessoas e empresas. Enquanto as pessoas usam essas plataformas por diversão, as empresas as usam para fins comerciais.

Sabendo disso, muitas Redes Sociais passaram a oferecer soluções para impulsionar o alcance das empresas. Logicamente, esse impulsionamento não é gratuito.

Logo, antes de atuar nas Redes Sociais, é bom saber que a sua atuação poderá ser paga ou gratuita. E é nesse ponto que surgem os conceitos de alcance orgânico e alcance pago.

 

e-mail profissional e hospedagem de sites

E-mail profissional e hospedagem de sites

Alcance Orgânico…

Assim como foi destacado, cada Rede Social possui seu conjunto de particularidades. No Instagram e no Twitter, por exemplo, o uso das Hashtags é muito importante. Com uma boa Hashtag, você pode apresentar a sua postagem para um número enorme de pessoas. E isso, sem pagar qualquer valor para as plataformas citadas.

Esse é um exemplo perfeito para ilustrar a ideia de alcance orgânico. Em suma, esse conceito abarca todas as ações que chegam até as pessoas de uma rede social, sem que você faça uso de ferramentas pagas.

Fazendo bom uso das particularidades de cada rede e criando um conteúdo com “potencial viral”, o alcance orgânico pode ser muito bem aproveitado. Todavia, esse costuma ser o caminho mais longo e trabalhoso.

Alcançar as pessoas de forma orgânica exige uma estratégia muito bem elaborada e muita paciência. Muitas vezes, esse pode não ser o caminho mais adequado para um empresa. E isso nos leva ao alcance pago…

Alcance Pago…

As Redes Sociais costumam apresentar uma boa série de ferramentas para anunciantes. Fazendo uso dessas ferramentas, é possível definir um orçamento e aumentar consideravelmente o alcance das suas ações.

Sim, esse é o caminho mais rápido para o alcance dos seus objetivos. Entretanto, é muito importante dominar perfeitamente as particularidades das ferramentas de anúncios.

Em muitos casos, quando a segmentação não é bem feita, o anunciante acaba desperdiçando valores ao exibir seus anúncios para pessoas que não fazem parte do público-alvo.

Ainda assim, é inegável que as ferramentas de anúncios têm um potencial enorme. Com o Facebook Ads, por exemplo, você pode criar anúncios focados em levar o usuário a executar uma ação específica e benéfica para o seu negócio.

De modo geral, as ferramentas de anúncios alugam para você as informações acerca dos usuários e o poder dos algoritmos. Dessa maneira, você pode cruzar uma série de dados e veicular os seus anúncios apenas para as pessoas que possuem as maiores chances de executar as ações que você deseja.

Em síntese, é com essas ferramentas que o seu Marketing nas Redes Sociais pode se tornar uma poderosa arma de divulgação. Novamente, é imperativo saber muito bem como cada ferramenta funciona ou os custos podem lhe surpreender.

Conteúdo e Interação

Seja para o alcance pago ou para o alcance orgânico, criar conteúdo e interagir com o público-alvo é essencial. Lembre-se que, antes de tudo, as Redes Sociais são, para os usuários comuns, um ambiente de lazer. Isto é, ninguém gosta de navegar pelo feed e ser interrompido por um comercial mal colocado.

As ações de marketing nessas redes devem ser sutis. O ideal é fazer com que os seus anúncios agreguem valor antes de apresentar a chamada para a ação.

Além disso, a empresa não pode ter um perfil corporativo que age com frieza. Pelo contrário, é necessário ajustar o tom ao público-alvo e realmente dialogar com ele. A interação é o objetivo principal de uma Rede Social… e os usuários desejam por isso.

Assim sendo, quando for criar o seu planejamento, dê atenção especial ao seu conteúdo e às diretrizes para a interação com as pessoas. Dessa maneira, você irá abrir as portas para a criação de relacionamentos.

E não se esqueça: a interação é um diálogo, não um monólogo. Logo, veicule as suas mensagens, mas mantenha os radares ligados para aquilo que o seu público-alvo tem a dizer. Responda aos comentários, preste suporte, aproxime-se.

Certamente, usar esse tipo de raciocínio em sua atuação nas redes sociais irá gerar resultados muito positivos. Pode apostar.

Mas nem tudo são flores… as Redes Sociais não são Suas!

Bem, se você chegou até este ponto, já tem todo o conhecimento que precisa para começar a atuar (de forma eficiente) nas Redes Sociais. Todavia, é muito importante ter uma noção clara de que essas redes não pertencem a você.

Veja bem: você vai até uma rede social, faz o seu cadastro, cria uma página e começa a atuar nos “seus perfis”. Esse é o caminho natural para agir em qualquer rede social.

No entanto, ao realizar todas essas ações, você, em algum momento, terá que aceitar os termos e condições da plataforma escolhida. Isso quer dizer que sua atuação está limitada a uma série de regras. E, sinceramente, é nesse ponto que muitos riscos se escondem.

Imagine a seguinte situação: você dedica tempo, esforço e dinheiro para fazer o seu perfil em uma rede social crescer. Daí, após algum tempo, vamos supor que as regras da rede social passem por uma mudança que inviabiliza a sua atuação. O que é que você faz? Você não pode fazer nada… as Redes Sociais não são suas!

Parece exagero, mas muitas pessoas já tiveram perfis bloqueados do dia para a noite. Sim, esses casos aconteceram e não foram poucos.

Isso, claro, chama a atenção para um ponto: seu negócio é muito valioso para você apostar todas as suas fichas em um ambiente que não lhe pertence. Não à toa, o número de sites e Blogs na internet não para de crescer… “e o que isso tem a ver?”.

Ter um site próprio é essencial

Conforme foi apresentado acima, um perfil em uma rede social não lhe pertence. Sabendo disso, muitas pessoas resolveram não arriscar o futuro dos seus negócios e decidiram criar seus próprios sites. “E por que um site próprio é a melhor escolha?”, você pode perguntar.

Ter um site próprio é criar um endereço para o seu negócio na internet. Nesse endereço, todas as regras são definidas por você. Assim, mesmo que as Redes Sociais passem por alterações que coloquem seus perfis em risco, seu site ainda continuará firme e forte.

E o mais interessante é que ter um site próprio já se tornou algo muito simples hoje em dia. Com uma busca pela internet, você já encontra planos de hospedagem bem acessíveis. Aliás, sem ter que procurar muito, você encontra algumas promoções imperdíveis.

Por exemplo, aqui na HostMach temos a promoção Test-Drive. Nessa promoção, você paga apenas R$ 9,99 e pode experimentar nossa excelente hospedagem por três meses. Não, você não leu errado. Por apenas R$ 9,99 você pode experimentar a nossa hospedagem por três meses.

Detalhe: nesse plano de hospedagem você ainda tem acesso ao criador de sites Weebly. Com essa ferramenta, você vai poder criar o seu site por conta própria e sem dificuldades. Desse modo, você vai poder deixar de depender exclusivamente das Redes Sociais.

Seu Site e as Redes Sociais

Como você já deve ter imaginado, não é preciso abandonar as Redes Sociais após criar o seu site próprio. Pelo contrário, o ideal é atuar nessas duas frentes, promovendo ações integradas, a fim de potencializar os seus resultados.

Para tanto, o ideal é, em seu planejamento, considerar a atuação tanto no site quanto nas Redes Sociais. Durante a elaboração do plano, tente sempre priorizar o seu site e usar os perfis nas redes para potencializar o alcance dele. Como coadjuvantes, os seus perfis poderão ser muito bem aproveitados.

Apesar dessa integração, é bom saber que um site e um perfil em um rede social têm funcionamentos diferentes. Por consequência, você acabará tendo que criar duas estratégias de conteúdo distintas.

No seu site, o ideal é incluir o seu melhor conteúdo sempre. Até mesmo em uma loja virtual, a presença de um Blog pode fazer maravilhas. E não se esqueça também de usar o seu site pra criar listas de contato. Ter milhares de emails à disposição será um ativo muito valioso.

Nos seus perfis das Redes Sociais, foque na interação. Gere um conteúdo capaz de incitar o engajamento, comentários, compartilhamentos… vez ou outra, crie chamadas para o seu Blog. O ideal é usar os perfis para levar pessoas para o seu site. Porém, é bom fazer isso com moderação… ou os algoritmos podem acabar prejudicando o seu alcance orgânico.

Redes Sociais: explore-as com sabedoria!

Chegamos ao fim deste post e, como pôde perceber, as Redes Sociais têm um enorme potencial para ações de Marketing. Com essas redes, é possível veicular suas mensagens para milhões de pessoas, atingindo assim uma série de objetivos, que podem reverberar nos resultados do seu negócio.

Para poder aproveitar todo esse potencial, planejar as suas ações de forma antecipada é essencial. Em primeiro lugar, é necessário conhecer o seu público-alvo. Somente assim será possível definir em quais redes o seu negócio irá atuar.

Depois disso, você deverá traçar os seus objetivos e criar as estratégias que irão deixar o seu negócio mais próximo do sucesso. Nesse sentido, entender o funcionamento de cada rede social é essencial. Isto é, você precisa dominá-las, para poder extrair o melhor de cada uma delas.

Ademais, o cenário ideal é usar os seus perfis como coadjuvantes. Ao ter um site próprio, você poderá ter um controle maior sobre as suas ações e não deixará sua empresa à mercê de regras criadas por terceiros.

Ter um site é algo muito fácil. Como foi citado, basta aproveitar algumas das excelentes promoções disponíveis na internet. Obviamente, o destaque, nesse caso, vai para a promoção Test-Drive, da HostMach. Por apenas R$ 9,99, você poderá testar a nossa hospedagem por três meses e ainda terá acesso ao criador de sites Weebly.

Bem… é isso. Faça bom uso de tudo que você apendeu com este post pois, sem dúvidas, as Redes Sociais serão muito benéficas para o seu negócio.

redator3

redator3

Últimos posts

como vender na quarentena?
Hospedagem Compartilhada

Como vender na quarentena?

Quem imaginaria que um vírus faria o mundo inteiro entrar em quarentena? O atual cenário (e único) que estamos vivenciando atropelou toda nossa história e