Backlinks: um guia essencial para o crescimento o seu site!

Backlinks: um guia essencial para o crescimento o seu site!

Quando falamos em criação de sites e ranqueamento nos motores de busca, os Backlinks acabam entrando em pauta. Esses links tão especiais são um dos fatores mais importantes para garantir que o seu site fique nas primeiras posições do Google. Afinal, eles são a prova de que o seu conteúdo é tão bom que outras pessoas o usam como referência.

Obviamente, há toda uma “ciência” por trás dos Backlinks. Por isso, entender como eles funcionam é essencial para começar a explorá-los. Com conhecimentos sólidos sobre esse assunto, você poderá traçar seus planos e estratégias e começar a ranquear melhor no Google.

Enfim, como irá perceber, este post irá funcionar com um guia completo sobre o assunto. Aqui, você irá entender o que são e como funcionam os Backlinks. Aliás, você também conhecerá algumas estratégias de Link Building, que é a arte de conseguir links apontando para o seu site.

Sendo assim, se a sua intenção é entender como funcionam os Backlinks a fim de colocar o seu site no “topo do Google”, a sugestão é que não deixe de acompanhar até o fim. Certamente, ao fim da leitura, você terá toda a bagagem necessária para começar a expandir o alcance do seu site. Vamos começar?

Backlinks: um guia essencial para o crescimento o seu site!

O que são Backlinks?

De uma forma bem simplificada, podemos dizer que os Backlinks são links (ou ligações) que uma página na internet recebe de outros domínios ou subdomínios. Isto é, são links que outros sites criaram, apontando para o seu site. Na verdade, até mesmo o seu site pode apontar para suas próprias páginas.

Isso mesmo! Dentro do conceito de Backlink existem duas classificações distintas. Confira…

Links Internos

Como o nome sugere, esses links são feitos dentro do mesmo domínio. Nesse caso, você cria uma peça de conteúdo e insere um link apontando para outra página do seu site.

Desse modo, você acaba criando ligações entre todas as páginas. Geralmente, isso é feito para manter o visitante pelo maior tempo possível dentro do domínio e para dar a ele conteúdo adicional.

Ter links internos em um site é essencial para poder melhorar as estatísticas de ranqueamento. Logicamente, como é você quem fica responsável por criar esses links, eles têm uma implementação mais fácil.

De todo modo, é bom saber que os links internos devem fazer sentido, ou seja, é necessário fazer as ligações para páginas que tenham relação com o conteúdo no qual o link está inserido.

Por exemplo, imagine que você tem um blog de dietas e cria um post sobre tipos de dieta. Links internos que fazem sentido, seriam: links para um post sobre cronogramas de dieta, planos de dieta, etc.

Em suma, quando falamos em links internos é imperativo que você observe o seu site como uma grande enciclopédia. Uma página deve estar ligada a outra, com o intuito de gerar cada vez mais conteúdo para o visitante.

Links Externos

A segunda classe de Backlinks, que é a mais complicada de ser conquistada, é a classe dos Links Externos. Nesse caso, nós temos outros sites apontando para o seu site. Aqui, o seu conteúdo acaba se tornando uma referência.

Esse é o tipo mais importante de Backlink, já que ele acaba funcionando como um prova da qualidade do seu conteúdo. E, claro, sob a ótica dos motores de busca, quanto melhor for o conteúdo, melhor ele estará posicionado nas pesquisas.

Para facilitar o entendimento dessa classe de links, vamos reaproveitar o exemplo do blog de dietas…

Suponha que você tenha criado um belo post sobre exercícios para perder a barriga. Daí, o seu conteúdo acabou chamando a atenção de um profissional de educação física, que também tem um blog. Em certo momento, esse profissional resolve criar um post sobre exercícios físicos e, quando ele entra no assunto de exercícios para perder a barriga, ele cria um link apontando para o seu site.

Agora, pense bem: se o seu conteúdo ficou tão bom a ponto de um profissional usá-lo como referência, esse post deve ser mais relevante, não acha? Bem, é assim que pensam os motores de busca. E é por isso que os Links Externos são tão poderosos.

Contudo, como você precisa que outras pessoas referenciem o seu site, conseguir esse tipo de link é uma tarefa difícil.

Por que os Backlinks são tão importantes?

Agora que você conhece as duas classes de Backlinks, podemos falar sobre a verdadeira importância desses links. E essa importância está intimamente ligada com o “raciocínio dos motores de busca”. Veja bem…

Na internet, cada site possui aquilo que ficou conhecido como Autoridade de Domínio. Essa autoridade é um índice numérico que indica a força que determinado site tem, em relação a certos assuntos ou palavras-chave.

Quando maior for a autoridade do domínio, mais rápido ele irá alcançar as primeiras posições na pesquisas. E o raciocínio é lógico… quando você pesquisa por algo na internet, você quer a melhor resposta, não é isso? E uma autoridade no assunto é aquela que, em tese, tem as maiores chances de lhe dar essa melhor resposta.

Porém, você pode perguntar: “e como essa autoridade é alcançada?”. E a resposta é simples: você cria o melhor conteúdo sobre os assuntos e conquista Backlinks. Quanto mais sites apontarem para o seu site, referenciando o seu conteúdo, mais pontos de autoridade você ganha.

Com o passar do tempo, o seu site começa a ranquear melhor nos motores de busca. Por consequência, você vai se tornando uma referência no assunto e aí… o céu é o limite. Estar no topo das pesquisas pode melhorar os resultados de qualquer projeto. Não à toa, todos os sites lutam para estar nas primeiras posições. Por isso, temos o famoso SEO

 

Os Backlinks e a Questão do SEO…

SEO é a sigla para Search Engine Optimization (Otimização para Motores de Busca). Essa sigla abarca todos os conceitos e técnicas voltadas a melhorar o posicionamento de um site em relação a determinadas pesquisas nos motores de busca.

Dentro dessa ciência moderna (SEO), temos uma série de estratégias, que levam em consideração os fatores avaliados no ranqueamento. E sim, como você já sabe, a autoridade do domínio é um desses fatores.

Agora, pense bem: para aumentar a autoridade do domínio, o seu site precisa ser uma referência, correto? Para ser uma referência, é necessário que outros sites apontem para o seu site, não é isso?

Em síntese, ter Backlinks vindo de fontes externas é a melhor forma de melhorar a autoridade do seu domínio. Quanto mais o seu site for referenciado, mais ele irá crescer nos motores de busca.

Dessa maneira, buscar por Backlinks acaba se tornando um dos maiores objetivos de um site. Especialmente, se o seu site estiver apenas dando os “primeiros passos”.

No entanto, é bom saber que não basta sair pedindo por qualquer link, oriundo de qualquer site. Pelo contrário, sua busca por Backlinks deve focar em links que tenham relevância com o seu conteúdo. Ademais, existem diversos tipos de Backlinks… vamos conhecer alguns?

Tipos de Backlinks

Se você chegou até este ponto, já sabe que temos duas grandes classes de Backlinks: Links Internos e Links Externos. Além disso, é bom saber que os links têm certas particularidades e acabam variando, em função do tipo.

Conquistar os tipos certos de Backlinks é essencial para que as suas estratégias de aquisição de links realmente melhorem o seu ranqueamento. Assim sendo, acompanhe os principais tipos de links que existem…

Juice Links

Esse é o tipo mais básico de Backlink. É esse tipo de link que acaba enviando os visitantes de uma página para outra, transmitindo autoridade de domínio.

Quanto mais visitantes uma página recebe, mais autoridade ela ganha. São esses links que você deve buscar prioritariamente.

Um bom exemplo desse tipo de link é a Wikipedia. Para uma boa série de pesquisas são os links desse site que ficam no topo, não é mesmo? Isso acontece, pois sites de todo o mundo referenciam a Wikipedia em seus conteúdos.

Assim, a Wikipedia acaba se tornando uma referência cuja autoridade de domínio é assustadora. E sim, é esse o objetivo final de todo e qualquer site na internet.

Links No-Follow

Quando um site cria um link para outro site, ele acaba cedendo um pouco da sua autoridade. No cenário ideal, um site pequeno deve buscar por um link oriundo de um site grande, para receber parte da autoridade dele.

Entretanto, nem sempre os sites grandes estão dispostos a fazer essa cessão de autoridade. Muitos sites de renome não desejam que outros sites menores cresçam à custa deles.

Para favorecer esses sites maiores, os Links No-Follow foram criados. Esses links contêm uma tag que informa aos motores de busca que eles não podem transmitir autoridade.

Resumindo, apesar de esses links gerarem tráfego para o seu site, eles não transmitem autoridade para o seu domínio. Você pode buscar por esse tipo de link, especialmente se o link vier de um grande site, mas esse tipo não deve ser a sua prioridade.

Links Do-Follow

Esses tipos acabam funcionando de uma forma totalmente contrária aos Links No-Follow. Isto é, esses links geram tráfego para o seu site e a tag “follow” indica aos motores de busca que as ligações são completas, com transferência de autoridade.

Como não poderia deixar de ser, esses são os links que devem estar no topo da sua lista de prioridades. Afinal, são esses links que influenciam diretamente a autoridade do seu domínio e impulsionam o crescimento nos motores de busca.

É bom destacar que muitos sites, reconhecendo a importância desse tipo de link, chegaram a pagar por essas ligações. Contudo, atualmente, os motores de busca estão mais inteligentes e já monitoram tais “trocas de poder”.

Devido a isso, o ideal é criar o melhor conteúdo possível e fazer de tudo para que esse conteúdo chame a atenção de sites grandes. Muitas estratégias de Link Building incluem entrar em contato com sites maiores e pedir pela ligação. Aliás, essas estratégias é que estarão em foco na próxima seção…

 

O que é Link Building?

Recapitulando brevemente… Nos pontos anteriores, você ficou sabendo sobre os Backlinks, as classes, tipos e a importância dessas ligações. De modo geral, agora você já tem total noção de que buscar pelos links é uma tarefa crucial para garantir que o seu site realmente cresça nos motores de busca. Agora, a questão é: “como conseguir os links?”. Bem, é exatamente para esse fim que o conceito de Link Building existe.

Em linhas gerais, Link Building é um conjunto de técnicas e estratégias voltadas a conquistar Backlinks para um site. Essa “arte” tem sido cada vez mais valorizada na internet, já que conquistar links de qualidade está ficando cada vez mais difícil.

Ao aplicar os conceitos de Link Building, você estará preparando o seu site para coletar links de fontes externas a fim de aumentar a relevância e a autoridade do seu site nos motores de busca.

Os artifícios utilizados para conseguir links podem variar em função de uma boa série de fatores. Tudo irá depender do seu nicho, das parcerias que você conseguir estabelecer, da qualidade do seu conteúdo, etc.

Enfim, para lhe ajudar nesse sentido, existem algumas estratégias que são muito utilizadas na internet. Acompanhe com atenção…

Estratégias de Link Building

Como você pode imaginar, existem muitas estratégias para conseguir Backlinks de qualidade. Assim como foi destacado anteriormente, ainda existem sites comprando links. Embora seja uma técnica bem popular, as últimas alterações nos algoritmos dos motores de busca estão monitorando esse tipo de ação com maior atenção.

Diante disso, o ideal é focar seus esforços em estratégias que façam o seu site conquistar Backlinks de uma forma “orgânica”. Vamos dar uma olhada em algumas soluções?

Conteúdo de Qualidade…

Pode passar todo o tempo do mundo e a criação de conteúdo de qualidade ainda será a melhor forma de conseguir ligações oriundas de outros sites. Essa é a forma mais pura e, na verdade, a ideal (segundo os motores de busca) para se conquistar links.

Assim que alguém lê um conteúdo e cria um link para referenciá-lo, esse alguém está atestando a qualidade do conteúdo. Logicamente, os motores de busca pensam assim: “se a pessoa referenciou, o conteúdo é bom”. Afinal, você indicaria algo que não gostou?

Logo, faça o possível para criar o melhor conteúdo sempre. Use técnicas de SEO para favorecer o ranqueamento, mas nunca deixe de lado a qualidade da sua criação.

Além disso, tente sempre criar um conteúdo que incite compartilhamentos. Pois é! As Redes Sociais são capazes de fazer o seu conteúdo ser propagado de uma forma massiva. Lembre-se: de nada adianta ter o melhor conteúdo se ninguém souber sobre a existência dele.

Portanto, jamais se esqueça de criar um conteúdo de qualidade e de investir tempo e esforço na divulgação dele. Somente assim, as pessoas poderão chegar até o seu conteúdo e sentir a necessidade de referenciá-lo.

Crie coisas compartilháveis…

Sim, o seu conteúdo deve ser compartilhável e isso já foi citado acima. Todavia, a estratégia proposta aqui é um pouco mais focada. Por exemplo, o que é que tem mais chances de ser compartilhado: um texto ou um vídeo?

Vídeos, ebooks, imagens, infográficos… essas peças geralmente são utilizadas como complementos do seu conteúdo escrito. Porém, elas podem ser utilizadas como elementos que incitam o compartilhamento.

Uma ação que ilustra essa ideia é a utilização de infográficos. Muitos sites têm criado esse tipo de conteúdo e colocado abaixo dele um botão do tipo “use este infográfico no seu site”. Assim, quando a pessoa faz o “embed” do item no site dela, um Backlink automático é gerado.

Isso quer dizer que você deve sempre criar coisas compartilháveis. Um arquivo de compartilhamento fácil, com uma boa Call to Action por perto, pode fazer milagres. Não se esqueça disso.

Não subestime as parcerias…

Parcerias ainda são uma excelente forma de conseguir Backlinks. Melhor ainda, essas parcerias podem ser desenvolvidas de inúmeras formas. Sim, você pode fazer os chamados guest posts, referenciar uma empresa e pedir para que ela referencie você…

Quando falamos em parcerias para Backlinks, as possibilidade são muitas. Ainda assim, é bom ressaltar que é muito importante manter a relevância entre os parceiros. Isso quer dizer que o ideal é buscar por parceiros que guardem relação com o nicho do seu site.

Desse modo, ao conquistar um link de um site, os motores de busca irão verificar a relevância da ligação e considerá-la ainda mais válida. Não se esqueça de que a relevância entre a busca feita pela pessoa e o conteúdo que ela encontra é a missão principal dos motores.

Então, garantir que os seus parceiros criem ligações relevantes é muito benéfico para o seu negócio. E não, você não precisa formalizar uma parceria. Não há nada de errado em enviar um email para alguém que usou seu conteúdo como fonte, pedindo pela inserção do link.

Por exemplo… recentemente, um site chamado LetsGoDigital criou uma renderização do possível design do PlayStation 5 (console de Sony). A imagem rodou o mundo, mas muitos sites não colocaram os links indicando o LetsGoDigital como fonte. “O que o site fez?”… enviou emails pedindo pela referência e, claro, ganhou muitos Backlinks.

Faça bom uso das ferramentas…

Essa é mais uma dica do que uma estratégia, mas, mesmo assim, é uma sugestão muito valiosa. Tudo na internet deve ser analisado. Felizmente, para poder dar base para as suas estratégias de Link Building, não faltam ferramentas interessantes.

Primeiro, você pode buscar por ferramentas como o Ahrefs, que faz a análise dos Backlinks que os sites possuem. Se você digitar o domínio de um concorrente ou de uma referência do setor no qual você atua, já é possível ver os links apontados para o site buscado. Essas informações são muito valiosas para você traçar as suas estratégias.

Segundo, use o Google Alerts para receber notificações sempre que o seu site ou conteúdo for citado na internet. Com essa ferramenta, você pode saber quando alguém citou o seu site. Depois, bastará entrar em contato com a pessoa que fez a citação, a fim de pedir pelo link.

Terceiro, use o Keyword Planner ou o Ubersuggest para ter ideias de pautas com “potencial viral”. Essas ferramentas apresentam o volume de buscas de uma palavra-chave e ainda dão sugestões valiosas para as suas pautas. Com isso, você poderá trabalhar no melhor conteúdo possível, sabendo que a palavra-chave tem enorme potencial para ranquear.

Com os Backlinks, seu site pode estar no topo

Por fim, cabe destacar que as estratégias de Backlinks podem ser aplicadas em qualquer tipo de site. Sim, seu site pode estar no topo. E o melhor é que você sequer precisa ter um site complexo. Pelo contrário, quanto mais simples e ágil for o seu site, melhor.

Um site deve ser atrativo visualmente, mas, antes de tudo, ele deve dar aos visitantes aquilo que eles querem. Entregue um conteúdo de qualidade e, mesmo com um site simples, você poderá conquistar muitos Backlinks.

Nesse sentido, uma boa ideia, especialmente para quem está começando, é aproveitar algumas “facilidades da tecnologia”. Por exemplo, você sabia que muitos planos de hospedagem oferecem, por valores adicionais (ou gratuitamente), um criador de sites?

Com essa ferramenta, você pode criar o seu site sem dificuldades e pode começar a ranquear nos motores de busca o quanto antes. É uma excelente opção para dar o passo inicial em relação ao seu projeto.

Aliás, vale ressaltar que a HostMach oferece três meses de “test-drive” em seu plano de hospedagem por R$ 9,99. Nesse plano, o criador de sites é um adicional gratuito. Não perca essa oportunidade.

Backlinks: um guia essencial para o crescimento o seu site!

 

Backlinks: vá conquista-los!

Conforme pôde perceber, os Backlinks são essenciais para o sucesso de um site, em relação aos motores de busca. Conquistá-los nem sempre é fácil, mas, quando isso acontece, os resultados podem melhorar consideravelmente.

Felizmente, com todo o conhecimento que você possui agora, sua jornada vai começar de uma forma muito mais bem direcionada. E, claro, não se esqueça de que você pode ter um site rápido, baseado em uma excelente hospedagem, pagando valores muito acessíveis.

Lembre-se de fazer o Test-Drive da HostMach. Você pagará R$ 9,99, usará a hospedagem por três meses e ainda terá acesso ao criador de sites Weebly. É uma oferta imperdível. Crie o seu site e comece o quanto antes a correr atrás dos seus Backlinks. Até mais…

redator3

redator3

Últimos posts

como vender na quarentena?
Hospedagem Compartilhada

Como vender na quarentena?

Quem imaginaria que um vírus faria o mundo inteiro entrar em quarentena? O atual cenário (e único) que estamos vivenciando atropelou toda nossa história e